Saúde da Pele, Cabelos e Unhas

Ectima

O que é?

É uma infecção piogênica, ou seja, produtora de pus, que acomete a pele de forma profunda, sendo habitualmente causada pela bactéria Streptococcus pyogenes e, eventualmente, pelo Staphylococcus aureus. Por ter caráter profundo, pode atingir até a gordura subcutânea, deixando cicatrizes permanentes.

Higiene precária, alcoolismo, diabetes descontrolado, desnutrição e AIDS favorecem a ocorrência desta doença. Picadas de inseto e escabiose podem representar a “porta de entrada” para seu surgimento. Como principal fator envolvido, destaca-se a imunodepressão, que consiste na queda das defesas imunológicas do paciente.

Sintomas:

O quadro tem início com uma área avermelhada e inchada, na qual se desenvolve uma pequena bolha que se rompe. Ela evolui formando uma ou várias úlceras, recobertas por crostas espessas e aderentes da cor de mel. Sua maior ocorrência se dá na metade inferior do corpo. Esta enfermidade possui uma variante denominada de ectima gangrenoso, que é causada por uma potente bactéria chamada Pseudomonas aeruginosa.

Tratamento:

A base do tratamento é realizada com antibióticos, dirigidos contra bactérias Gram-positivas, que podem ser administrados por vários dias.

Prevenção:

Consiste em investir em medidas de higiene e de prevenção de doenças que possam comprometer a imunidade do paciente. Cuidados devem ser estimulados, pois a doença pode evoluir para um quadro renal agudo: glomerulonefrite pós-estreptocóccica.