Saúde da Pele, Cabelos e Unhas

Ictiose

O que é?

A ictiose vulgar é uma condição dermatológica que resulta em uma pele extremamente seca. Trata-se de uma doença hereditária, transmitida geneticamente dos pais para os filhos. O quadro clínico é causado por mutações dos genes que codificam a proteína filagrina, uma das moléculas responsáveis pela impermeabilidade da pele e por sua hidratação. Não existe predominância por gênero ou etnia.

Sintomas:

O sintoma da ictiose vulgar consiste, basicamente, em pele seca, mas o quadro clínico é extremamente variável. Os sintomas pioram em climas secos e sob temperaturas frias. Nas formas mais leves, as manifestações aparecem somente na infância tardia ou na vida adulta, ocorrendo descamação fina e lamelar da pele. Nestes casos, as áreas de dobras são geralmente poupadas. Nos casos mais graves, as manifestações podem aparecer na primeira infância e consistem em intensa descamação da pele, couro cabeludo, palmas das mãos e plantas dos pés. Pode também surgir um prurido intenso. A associação da doença com alergias de contato é frequente.

Tratamentos:

A hidratação da pele é fundamental para o tratamento da ictiose vulgar. Cremes que contêm ureia, lactato de amônia e outros componentes hidratantes são benéficos, principalmente se utilizados ao menos três vezes ao dia. Podem ser utilizados, ainda, compostos tópicos que auxiliem na descamação da pele, como o ácido salicílico. Este tratamento geralmente é suficiente para o controle da doença. Em casos mais graves, medicações orais podem ser necessárias. O dermatologista é o profissional capacitado para decidir a melhor terapia indicada.

Prevenção:

O aparecimento da doença, por ter caráter genético, não pode ser totalmente prevenido. No entanto, as manifestações podem ser controladas. Recomenda-se ao portador da ictiose vulgar que evite comportamentos que aumentem a secura da pele, como banhos demorados e quentes, além do uso excessivo de sabonete. Objetos de limpeza da pele, como escovas, lixas e buchas para banho também devem ser evitados.